terça-feira, 20 de novembro de 2012

Vivenciando a Roda do Ano

* Por algum tempo escrevi para um site da qual era moderadora sob um pseudônimo, tirando dúvidas enviadas por e-mail para a coluna que se chamava "Bruxa Teteca Responde - Por Trina Tanith". As opiniões expressas eram minhas, portanto trago os textos também para cá e inauguro mais uma aba de temas no bloguito: 


Vivenciando a Roda do Ano
¬ Com as diferenças de hemisférios e datas, como sentir
a melhor forma de 'rodar' pelo calendário pagão?



Olá, como vão, queridas e queridos? Sou Caterina (Trina) Tanith; para os amigos, Teteca. Muitas pessoas entram em contato para tirar dúvidas sobre magia, querem receitas, dicas e muito mais... Na coluna deste mês, respondo à pergunta feita pela Mariana, do Rio de Janeiro:
"Olá... Estou com uma dúvida a respeito dos sabás e do calendário wicca, não entendo muito bem porque em alguns livros mostram do Samhain em abril! Tem haver com os hemisférios? Espero que possa me ajudar a entender!"

Sobre sua dúvida, então, a primeira coisa a dizer é: SIM, tem a ver com os hemisférios.
- Vamos entender passo-a-passo como funciona?

A chamada Roda do Ano vem a ser o nosso ano/calendário pagão. Nele, de acordo com o mito da criação, a Deusa tece o destino e o Deus vivencia todas as fases da Roda demonstrando a influência de cada uma delas sobre todos nós. São os principais rituais Wiccanos, sendo chamados de os Quatro Sabás Maiores (Samhain, Imbolc, Beltane e Lammas) e os Quatro Sabás Menores (Yule, Ostara, Litha e Mabon).

Os sabás celebram as mudanças das estações do ano e percurso do Deus, simbolizado pelo Sol, através dos ciclos sazonais. As estações variam de data conforme o hemisfério onde se está, certo? É o mesmo caso, portanto. Alguns grupos wiccanos brasileiros celebram a Roda do Ano pelas datas do Hemisfério Norte, seja por tradição ou por egrégora, mas seguindo curso das estações inversamente ao que se vivencia no Brasil; outros preferem seguir as estações corretamente, "invertendo" as datas de acordo com os solstícios e equinócios do Hemisfério Sul... Isso, então, varia pela escolha do grupo ou do praticante solitário.

Uma vez ouvi a participação em vídeo de Agathos Athenodoros, da Tradição Caminho das Sombras, e ele explicava dessa forma "Astrologicamente, a eclíptica é a mesma independente do lugar do hemisfério, norte ou sul. A eclíptica é definida como a circunferência imaginária correspondente à trajetória aparente do Sol na esfera celeste. Ou seja, o sol entrará no signo de Áries no que convencionamos chamar de Ostara no hemisfério Norte, mas isso não mudará se você estiver no Hemisfério Sul.".

Eu concordo com ele, mas não creio que isso defina os sabás, define na verdade quais as datas importantes existentes. Em qual sentido você passará por elas, isso é motivo de muito estudo e auto-análise.



Para informação, segue uma tabela básica das datas de comemoração de cada sabá em 2012:



Qual o correto?

Seguir pelo calendário do Hemisfério Norte ou do Sul?
Bom, não "correto", na verdade. Se você faz parte de algum coven, procure perguntar a sua sacerdotisa ou sacerdote como é feito por eles e o porquê de ser feito desta forma, para que você possa entender a escolha do grupo. Se você estiver em algum tipo de grupo de estudos, por exemplo, procure conversar com seus amigos sobre qual seria a melhor opção; e, por fim, se você ainda for uma bruxa
"solitária" (não gosto muito deste termo, mas vamos usá-lo para um melhor entendimento) tente ver como se estabelecem as estações para você, como você SENTE a Roda do Ano girar...


Exercício sugerido

Para sentir - e entender! - como é a energia de cada um dos oito sabás, um exercício prático que sugiro aos neófitos que conheço é o viver a Roda do Ano em um dia. Consiste em encaixá-los de acordo com o ciclo do Sol durante um dia inteiro, começando por Yule ao nascer do Sol e terminando com Samhain ao cair da noite. Você irá vivenciar junto ao Sol toda a sua vida, morte e renascimento, e vai ficar mais fácil de entender sobre as épocas da Roda do Ano.
- E você? Como você se sente AGORA? Em algum momento do recomeço em Yule para o crescimento pessoal e força que ocorrerá em Candlemas? Ou no momento de claridade e luz, e de energização para os projetos que brotaram  em Lughnasadh? Avalie e use isso para definir como você seguiria pela Roda do Ano.


Para se ter uma idéia de como isso se modifica de uma pessoa e/ou grupo para o outro, cliquem aqui e vejam o vídeo-coluna "O Mundo Pagão" produzido pelo grupo Espiral das Bacantes.

 
Espero com este texto ter ajudado, tanto a Mariana como a todos. Qualquer dúvida fique à vontade para entrar em contato, certo?
E para quem quiser mandar perguntas, saber de dicas e/ou explicações sobre assuntos diversos da Wicca e da magia em si, é só escrever para mim!

Beijo-estrela,

Por Aysel Gülbarg [Chris Wolf],
 originalmente publicado em 04.01.12
© Todos os direitos reservados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

¬ Obrigado por seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...